SOBRE O EVENTO

Mensagem da Comissão Organizadora

Prezados colegas,

Bem vindos ao VI Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite que este ano tem como novidade a primeira feira de negócios Milk Fair, um espaço para relacionamento com clientes e difusão de tecnologias para produção de leite. Um painel com representantes da indústria e entidades vai discutir os Desafios para a Qualidade do Leite, abrindo um diálogo com troca de experiências e case de sucesso em agregação de valor ao leite e produtores.

O desafio da comissão científica foi trazer temas de interesse e que contribuam para a tecnificação do setor, por isso buscamos  abordar temas como manejo eficiente de pastagens tropicais para o Sul do Brasil  e entender ainda da integração lavoura/pecuária e seus efeitos na sustentabilidade da produção leiteira,  assuntos para se pensar  dentro e fora das porteiras. Caminhando ao lado do crescimento do setor e das exigências cada vez maiores do mercado assumimos o compromisso de elaborar uma programação científica qualificada, com o objetivo de atender às demandas dos profissionais difusores das tecnologias, antecipando tendências.

Pensando na bovinocultura de leite do futuro propusemos  temas que falassem do impacto da nutrição de precisão na eficiência e rentabilidade da propriedade leiteira. Com a mente aberta para novas tecnologias e aditivos nutricionais ajustados com  as tendências globais,  vamos falar de óleos essenciais na alimentação de bovinos leiteiros e de estratégias para otimizar eficiência reprodutiva dos rebanhos. 

Desvendando mitos e atualizando conceitos trouxemos para a pauta as instalações em Compost Barn e definimos pontos chave para as discussões como estresse térmico e os impactos na produção e estratégias de manejo e nutricão para minimizá-lo com o especialista  Emilien Dupuis (CCPA Group/França).

Da Universidade do Illinois, EUA convidamos palestrante para apresentar os impacto dos principais distúrbios metabólicos e estratégias para maximizar a produção e saúde na fase de transição, observando os impactos a campo e prejuízos.

O evento ganha uma nova forma, mais focada nas demandas da indústria leiteira     que cresce e se profissionaliza. Por isso definimos que precisaríamos falar de  genômica como ferramenta para melhoramento genético, como primordial para   termos um rebanho competitivo.

Também paramos e olhamos para dentro da produção e  observamos que  temas básicos como afecções de casco e o  controle e tratamento de mastites, ainda carecem de atualizações. Observando a fisiologia animal olhamos para o principal órgão que distingue os  ruminantes dos monogástricos e fomos a fundo no tema sanidade ruminal e sua influência na composição e qualidade do leite.

Com um pé dentro da propriedade e outro na indústria procuramos oferecer uma programação diversificada e moderna, que olha para dentro da propriedade e para frente...um horizonte de altos níveis de produtividade, quantidade de sólidos e sanidade de ponta. Um futuro exigente onde não queremos chegar desprevenidos.

Bom simpósio à todos!!!

Rua Nilso Braun, s/n • Vitório Rosa
Caixa Postal: 343
CEP: 89803-604 • Chapecó • SC