A Nucleovet

Notícias

Cadeia Produtiva do Leite é destaca na campanha Agro: a indústria riqueza do Brasil

13/10/2017

No vídeo que está sendo exibido em horário nobre na Rede Globo mostra que as fazendas produtoras de leite faturaram R$ 27 bilhões em 2016 e que quase metade do leite produzido no país vem das pequenas fazendas, responsáveis por 47% da produção. Além disso, a produção de leite nestas fazendas emprega um milhão e 200 mil pessoas.

A comunicação do agronegócio precisa se modernizar e mostrar toda a face tecnológica que envolve essa atividade. A avaliação é do diretor de marketing da TV Globo, Roberto Schmidt. Segundo ele, o objetivo da campanha “Agro: a Indústria-Riqueza do Brasil” é conectar o consumidor com o produtor rural e ao mesmo tempo desmistificar a produção agrícola aos olhos da sociedade urbana.

A campanha que já mostrou diversas cadeias produtivas destaca que a cadeia produtiva do leite é a que mais emprega no Brasil. São mais de 4 milhões de pessoas empregadas em funções no campo e nas fábricas de lacticínios.

Por conta do alto consumo de leite e seus derivados no país, a produção cresceu nos últimos anos e atualmente o Brasil já tem vacas campeãs que produzem mais de cem litros de leite por dia.

 
 
 
 

Segundo Schmidt, o agronegócio tem que investir na construção de sua marca junto à população em geral, a fim de criar empatia e confiança. “E é este um dos objetivos da campanha ‘Agro: a Indústria-Riqueza do Brasil’ que estamos desenvolvendo”, disse o executivo.

De acordo com Schmidt, o objetivo da iniciativa é conectar o consumidor com o produtor rural e ao mesmo tempo desmistificar a produção agrícola aos olhos da sociedade urbana. “Queremos mostrar que a riqueza gerada pelo agronegócio movimenta os outros setores da economia”, salientou, acrescentando que: “a ideia é fazer com que o brasileiro tenha orgulho do agro”.

 

Nucleovet
Estrada Municipal Barra Rio dos Índios
SN, km 359, Rural,
Caixa Postal: 343
CEP 89.815-899 • Chapecó • SC
Desenvolvido por BRSIS